HISTÓRIA
 
 
  
   
 
MISSÃO, VISÃO
E VALORES
 
 
  
   
 
DIRETORIA
 
 
  
   
 
CERTIFICAÇÕES
E ACREDITAÇÕES
 
 
  
   
 
ESTRUTURA HSVP
 
 
  
   
 
CORPO CLÍNICO
 
 
  
   
 
PASTORAL DA SAÚDE
 
 
  
   
 
FIQUE POR DENTRO
 
 
  
   
 
HSVP NA MÍDIA
 
 
  
   
 
AÇÃO SOCIAL
 
 
  
   
 
CONVÊNIOS
 
 
  
   
 
PORTAL DO PACIENTE
 
 
  


Notícias

Proteja a saúde dos seus olhos no verão

Verão é tempo de calor, muito sol e também de cuidados extras com a saúde dos olhos. Nesta época, a exposição excessiva ao sol e à radiação ultravioleta (UV) pode causar problemas agudos e crônicos, como alerta um dos chefes do serviço de Oftalmologia do HSVP, Tiago Bisol. “Quando expostos à radiação solar excessiva, os olhos ficam sujeitos a ter lesões na córnea, na retina e no cristalino. É fundamental a adoção de cuidados extra para evitar problemas nesta época”, adverte o especialista.

Entre os problemas oftalmológicos mais recorrentes causados pela exposição excessiva ao sol estão a fotoceratite, que é uma lesão da córnea que causa dor e fotofobia intensa e começa algumas horas depois da exposição. A catarata e o pterígio também são condições relacionadas à exposição crônica aos raios UV. “A idade é o principal fator de risco para a catarata, mas é importante ressaltar que ela pode se manifestar precocemente em quem se expõe muito ao sol sem proteção”, explica Bisol, que é membro da Sociedade Brasileira de Catarata e Implantes Intraoculares e da Academia Americana de Oftalmologia.


O especialista lembra que as conjuntivites infecciosas também são mais comuns no verão, mas que devido às medidas adotadas para evitar a propagação da Covid-19, houve uma redução de casos da doença durante a pandemia. “Os alertas sobre os riscos de levar a mão contaminada ao rosto contribuíram para aumentar a disciplina da população, que não só tem evitado levar a mão suja ao rosto, como também se esforçado para manter a higiene das mãos, além do distanciamento social. Tudo isso dificulta a contaminação da conjuntivite infecciosa e, felizmente, tem reduzido o número de casos registrados”, pontua Bisol.

Além de evitar levar as mãos sujas aos olhos, outra importante medida de proteção é não se expor excessivamente à luz solar e usar óculos escuros de boa qualidade. “Os óculos de sol têm um papel duplo: dar conforto à pessoa e também diminuir a entrada de raios de ação UV nos olhos”, esclarece. Mas ele frisa que é importante que os óculos sejam de boa qualidade. “Se a pessoa usa óculos com lente escura, mas que não tenha o filtro da proteção UV, estará expondo os olhos a uma quantidade ainda maior de radiação do que se estivesse sem o acessório. Isso porque a lente escura proporciona conforto e a pessoa irá se sentir à vontade para ficar mais tempo ao sol, acreditando estar protegida. A lente escura vai fazer com que a pupila dilate, permitindo maior entrada de radiação no olho. Ou seja, é melhor não usar óculos de sol do que usar um par que seja de má qualidade”, orienta ele.


«voltar