HISTÓRIA
 
 
  
   
 
MISSÃO, VISÃO
E VALORES
 
 
  
   
 
DIRETORIA
 
 
  
   
 
CERTIFICAÇÕES
E ACREDITAÇÕES
 
 
  
   
 
ESTRUTURA HSVP
 
 
  
   
 
CORPO CLÍNICO
 
 
  
   
 
PASTORAL DA SAÚDE
 
 
  
   
 
FIQUE POR DENTRO
 
 
  
   
 
HSVP NA MÍDIA
 
 
  
   
 
AÇÃO SOCIAL
 
 
  
   
 
CONVÊNIOS
 
 
  
   
 
PORTAL DO PACIENTE
 
 
  


Notícias


15 de Maio - Dia Nacional do Controle das Infecções Hospitalares

HSVP realiza treinamento com Metas Internacionais de Segurança do Paciente

Um hospital seguro. Esse é um dos aspectos que faz um paciente se sentir protegido ao entrar em unidade de saúde. É por isso, que o Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) tem o compromisso em cumprir as seis Metas Internacionais de Segurança do Paciente, definidas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pela Joint Commission International (JCI). E, para marcar o Dia Nacional do Controle das Infecções Hospitalares, o Serviço de Higiene e Controle de Infecção Hospitalar (SHCIH) do HSVP está realizando, nos dias 15 e 16 de maio, um treinamento especial sobre a Meta 5: Higienização das mãos. Entre as atividades programadas está a utilização de uma câmera escura com luz ultravioleta, que revela as bactérias existentes na pele, invisíveis a olho nu.

Higienizar corretamente as mãos ao entrar e sair de um ambiente hospitalar é um ato simples, mas de fundamental para combater a infecção, evitando a transmissão de agentes infecciosos através das mãos. "É dentro de hospitais que se concentra uma gama de doenças causadas por micro-organismos dos mais variados, desde o vírus da gripe até bactérias perigosas e com potencial de resistência aos antimicrobianos, como o Staphylococcus aureus, Pseudomonas e Acinetobacter", esclarece Isabella Albuquerque, infectologista do HSVP.

A médica ressalta que a higiene das mãos é uma das medidas mais eficazes na prevenção de infecções e, por consequência, na garantia da segurança do paciente. "Através dela, reduzimos a transmissão cruzada de micro-organismos perigosos para pacientes internados. Deve-se lavar as mãos antes e após o contato com o paciente; após o contato com o meio que o cerca, antes de procedimentos assépticos e após o risco de contato com fluidos orgânicos", informa a Dra. Isabella.

A  OMS estima que 10% dos pacientes são contaminados por bactérias dentro da unidade hospitalar, na Europa. No Brasil, essa estimativa gira em torno de 14%, daí a importância do HSVP promover esse evento.

A contaminação acontece mais comumente em pessoas que passam por procedimentos invasivos para a instalação de equipamentos respiratórios, sondas e cateteres. É por isso, que o HSVP tem um rígido controle e combate à infecção hospitalar, com diversas ações promovidas por sua Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH). O hospital segue rígidos padrões do Programa de Controle de Infecções Hospitalares, do Ministério da Saúde e da JCI, o que significa que oferecemos mais segurança para você!

 


«voltar